topgabaritos

topao

topaulas

topcontato

Facebook

Usuários Online

Temos 55 visitantes e Nenhum membro online

Últimos lidos

Artigos Recentes+

Osteoporose
Sábado, 25 Abril 2015
article thumbnail

Definição: Osteoporose é uma doença causada pela perda da densidade mineral óssea, com consequente perda de sua resistência e aumento do risco de fraturas,  [ ... ]

Mais emAdulto  Quadril  Ombro  Joelho  

Joelho

  • Descrito para a identificação das lesões dos cornos posteriores dos meniscos. Com o paciente deitado na posição supina, os quadris a 90º e os joelhos em flexão máxima, o examinador ao lado do joelho a ser examinado palpa as interloinhas articulares com uma das mãos e, com a outra, segura o pé do paciente, provocando movimentos de rotação interna e externa da perna, alternadamente. A presença de dor, com ou sem estalidos, junto à interlinha articular medial após rotação externa, pode caracterizar lesão do menisco medial. Quando se realiza rotação interna com sintomatologia junto à interlinha articular lateral, pode-se estar diante de uma lesão do menisco lateral

Realiza-se o teste com o paciente em decúbito ventral, joelho fletido 90º e quadril em extensão. Aplica-se uma força axial junto ao pé a medida em que se realiza-se rotação interna e externa da perna.

As lesões são caracterizadas pela presença de dor ou estalidos junto às interlinhas articulares durante a fase de compressão de teste, para o menisco medial em RE da perna e para o lateral em RI.

O teste de Apley pode ser duvidoso nos casos de acomentimento da articulação femoropatelar.

Usado para avaliar condropatia patelar.

Para executar o teste posiciona-seo paciente em decúbito dorsal com o joelho totalmente estendido e aplica-se uma força compressiva sobre a patela. Passivamente flete-se o joelho, mantendo a força de compressão. O teste é positivo quando ocorre dor ou crepitação durante a flexão passiva. Em seguida, o paciente é solicitado a ficar de pé e de novo uma força de compressão é aplicada à patela. O paciente é solicitado a dobrar lentamente no joelho, mantendo a força de compressão. Mais uma vez, dor ou crepitação são sinais de positividade durante a flexão ativa do joelho.

O examinador deve realizar uma leve pressão sobre o polo superior da patela contra a tróclea e solicita-se ao paciente que contraia o quadríceps.

O teste é positivo quando o paciente apresenta dor e incapacidade de manter a contração do quadríceps, sugestivo de transtorno femoro-patelar.

Considerações importantes

bookTodo conteúdo do site OrtopediaOnline.Org foi obtido a partir de estudos baseados em literatura ortopédica, tais como publicações na RBO, JAAOS e a Acta Ortopédica e em livros de referência como Rockwood, Campbell, Manual AO, etc, além da contribuição de nossos membros.

Nossas imagens são de arquivo pessoal e outras adiquiridas em sites especializados.

Contato

Nome: Marcus Vinícius M do Nascimento

Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Web: http://www.ortopediaonline.org